Entrevistas

O papel da radioterapia no tratamento do cancro da mama precoce
Dr.ª Inês Nobre-Góis
29 Nov. 2019

A importância e a pertinência do papel da radioterapia no tratamento do doente oncológico, particularmente com cancro da mama. Foi esta a principal mensagem que a Dr.ª Inês Nobre-Góis, do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), partilhou na sessão temática “Cancro da mama precoce” no Congresso Nacional de Oncologia. Em vídeo, a especialista enumera algumas das normas de orientação no tratamento desta patologia.

Abordagem axilar no cancro da mama: alvo de discussão e confusão
Dr.ª Paulina Viana Lopes
29 Nov. 2019

Através da partilha das recomendações internacionais mais atuais a Dr.ª Paulina Viana Lopes, do Hospital da Luz, em Lisboa, falou acerca da abordagem axilar no cancro da mama, que considera ser “alvo de discussão e confusão nos últimos anos”. Em entrevista ao My Oncologia, a especialista afirmou que cada clínico “deve ser o menos agressivo possível” no tratamento destes doentes. Veja o vídeo.

Pedalar pela melhoria da qualidade de vida do doente oncológico
Dr. Pedro Antunes e Dr.ª Carla Correia de Sá
28 Nov. 2019

No âmbito do 16.º Congresso Nacional de Oncologia, a Astellas organiza um conjunto de iniciativas que pretendem debater a melhoria da qualidade de vida do doente oncológico. Desta forma, todos os congressistas estão convidados a passarem pelo seu stand para pedalarem numa bicicleta estática numa chamada de atenção para a prática do exercício físico no doente oncológico. O My Oncologia aceitou o convite e falou com o Dr. Pedro Antunes, fisiologista do exercício, e a Dr.ª Carla Correia de Sá, nutricionista, que explicaram a importância da criação deste tipo de iniciativas. Assista ao vídeo.

"Ganhamos em eficácia e ganhamos em segurança"
Dr.ª Paula Ferreira
27 Nov. 2019

A Dr.ª Paula Ferreira, do Instituto Português de Oncologia do Porto, falou ao My Oncologia sobre os avanços terapêuticos da última década no tratamento do melanoma irressecável ou metastático, referindo quatro novas classes de fármacos, que vieram aumentar a sobrevivência e melhorar a qualidade de vida dos doentes. Na prática clínica em Portugal, a oncologista afirma satisfeita que "estamos a usá-los quase todos" e que a nova combinação do inibidor BRAF encorafenib com o inibidor MEK binimetinib "tem um lugar muito válido" como alternativa às opções terapêuticas já disponíveis.

Ensaio clínico com participação portuguesa oferece alternativa a doentes com melanoma
Dr.ª Maria José Passos
27 Nov. 2019

O estudo COLUMBUS foi um ensaio de fase 3 que avaliou a combinação de encorafenib com binimetinib no tratamento de doentes com melanoma BRAF mutado, e em que Portugal teve "a sorte" de participar, afirmou a Dr.ª Maria José Passos. Satisfeita com a experiência, a especialista referiu as principais conclusões deste estudo internacional multicêntrico e espera que a nova alternativa terapêutica fique brevemente disponível no nosso país. Ouça as palavras da oncologista, aqui em entrevista ao My Oncologia, que esteve no Algarve para o evento denomiado “Novas perspectivas no tratamento do melanoma metastático BRAF mutado”, organizado pela Pierre Fabre, a 25 de outubro.

Abordagem multidisciplinar: uma visão integrada no tratamento do melanoma
Dr. César Martins
27 Nov. 2019

Também por vezes designada "consulta de grupo" ou "consulta de decisão terapêutica", a consulta multidisciplinar permite uma visão "mais panorâmica" e é uma mais valia para os médicos, tornando as decisões terapêuticas mais exequíveis e fáceis de implementar. Em entrevista, o Dr. César Martins, dermatologista do Hospital Distrital de Santarém, que participou no dia 25 de outubro no simpósio "Novas perspetivas no tratamento do melanoma metastático BRAF mutado", realizado no Hotel Vila Galé em Lagos, falou ainda sobre uma nova combinação terapêutica que virá alargar o leque de opções disponíveis para estes doentes, com algumas vantagens adicionais.

Dispensa de terapêuticas oncológicas: o papel do farmacêutico hospitalar
Dr.ª Florbela Braga
27 Nov. 2019

A Dr.ª Florbela Braga, farmacêutica no Instituto Português de Oncologia do Porto, moderou uma mesa sobre a prescrição e dispensa de terapêuticas oncológicas, num encontro promovido pela Pierre Fabre à margem do 7.º Simpósio Nacional de Melanoma. Em entrevista, a especialista salienta o contributo dos farmacêuticos na monitorização da segurança das novas terapêuticas e a importância de transmitir aos doentes a mensagem de que podem comunicar abertamente com estes profissionais e informá-los sobre quaisquer efeitos indesejáveis que possam sentir.

Mais opções no melanoma avançado para ajustar a terapêutica ao perfil do doente
Dr.ª Rita Sousa
27 Nov. 2019

A Dr.ª Rita Sousa, oncologista do Hospital de Santa Maria em Lisboa, resumiu as alternativas atuais para o tratamento do melanoma cutâneo avançado num evento Pierre Fabre intitulado "Novas perspetivas no tratamento do melanoma metastático BRAF-mutado", que teve lugar no Hotel Vila Galé em Lagos, a 25 de outubro. Em entrevista, a médica explica quais as principais diferenças entre a combinação encorafenib/binimetinib face a outras combinações disponíveis no contexto do melanoma, reforçando a vantagem de ter várias opções para poder escolher a terapêutica mais bem tolerada para cada doente individualmente.

Linhas prioritárias de investigação no melanoma irressecável ou metastático
Dr.ª Maria José Passos e Dr.ª Paula Ferreira
27 Nov. 2019

Quais as necessidades não satisfeitas mais prioritárias no tratamento do melanoma avançado e quais consideram ser os ensaios clínicos mais promissores nestas áreas? Responder a esta questão foi o desafio proposto à Dr.ª Maria José Passos e à Dr.ª Paula Ferreira, no final de um evento promovido pela Pierre Fabre e que antecedeu o 7.º Simpósio Nacional de Melanoma, cuja edição deste ano decorreu em Lagos. Em entrevista conjunta ao My Oncologia, as especialistas deram a conhecer a investigação em curso ao nível da combinação e sequenciação de terapias alvo e imunoterapia e alguns dos resultados recentemente apresentados na última edição do congresso anual da ESMO.

“A imunoterapia é uma esperança para os doentes com carcinoma do urotélio”
Dr. Enrique Grande
26 Nov. 2019

A afirmação é do Dr. Enrique Grande, diretor do Serviço de Oncologia Médica do Hospital MD Anderson Cancer Center, Madrid, que participou nas sessões educativas sobre a atualidade do tratamento do carcinoma do urotélio com  imunoterapia em particular com atezolizumab. Estas sessões, que decorreram a 16 e 17 de outubro, em vários pontos do país, contaram com a participação de especialistas nacionais que diagnosticam e tratam esta doença (oncologistas, urologistas, anatomo-patologistas e farmacêuticos). 

Apoio

AstrazenecaBayerBMSLillyMerck

 

MSDPfizer OncologySanofi GenzymeTakeda