Atualidade

Nanopartícula para combate ao cancro desenvolvida em Coimbra obtém designação de “medicamento órfão”

25 maio 2021

Uma nanopartícula de nova geração de base lipídica para combate ao cancro, PEGASEMP, desenvolvida na Universidade de Coimbra (UC), obteve da Agência Europeia do Medicamento (EMA, na sigla inglesa) e da autoridade reguladora americana Food and Drug Administration (FDA) o estatuto de “medicamento órfão” para o tratamento do mesotelioma maligno, um tipo de cancro raro que resulta da exposição a amianto. Este estatuto constitui um fator facilitador de realização de ensaio clínico em doentes.

Newsletter

Agenda

Agenda News Farma

PUB

 

 

 

 

 

Apoio

AstrazenecaBayerBMSGSKJanssenLillyMerck

 

MSDPfizerRocheTecnimedeViatris

 

Aliança Merck | PfizerSERVIER